sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

Amofadas em tricô

 Almofadas tem o poder de transformar um ambiente, seja o quarto, sala ou varanda. 
Dependendo da cor, você ganha alegria ou aconchego. E as possibilidades de técnicas são ilimitadas, consequentemente, apaixonantes.
Descobrimos, então, um brinquedo novo: fazer continhas e inventar almofadas exclusivas em tricô.
Crie o seu próprio projeto, é muito divertido, eu garanto.
O processo envolve escolher um motivo, um ponto, formato e passar o projeto para o papel, antes de tudo.
O milimetrado é muito útil para os gráficos. E também, caneta, lápis, canetinha, agulhas de numeração aproximada ao fio usado e calculadora.
Após o gráfico, é hora de fazer amostras para adequar o fio á agulha e observar qual a textura é mais agradável e quantos pontos você precisa para o tamanho desejado.
Vamos à ficha técnica, então.
Criação: Ildete Ameida
Execução: Graça Leal
Fio: Pingouin, Bella, com 2 fios usados juntos.
Agulha: Número 6, na mão da Graça, se fosse na minha mão, seria 6,5. Então faça sua amostra para observar a tensão de ponto.
Medidas: 45x100cm de tecido aberto, 45x45 após costura.
Consumo: 2 novelos foram suficientes para cada cor de almofada.
Essa, por exemplo tem um transpasse, então, foi necessário tecer 10 cm de ponto barra 1/1 além da medida geral do tecido que cobre a almofada.
Feito isso, é só costurar s laterais, respeitando o tranpasse e colocar botões para um melhor acabamento.
Experimente texturas, formatos (o de fronha de travesseiro comum, por exemplo), um ponto que goste. 
O resultado é compensador. 
Mãos à obra, então e me conte o resultado.
Chame a amiga tricoteira e compartilhe essa ideia por aí.
Bons tricôs!


2 comentários:

sisi sartor sisitricot disse...

Que lindas que ficaram.
Bjs.

zenuwpees disse...

Les coussins sont très beau bonne journée Marie-Claire